Sem banners disponiveis


Avaliação orienta no combate à desnutrição

dsc_8572-copyA má alimentação tem sido a causa de diversos problemas de saúde identificados nos consultórios médicos. Pensando em oferecer um serviço de apoio à população em vulnerabilidade social e em combate a esse problema, a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente realiza diversas ações a fim de orientar e suprir necessidades específicas dos cidadãos.

Por meio da Cesta Verde, por exemplo, a Prefeitura entrega às famílias que possuem risco nutricional, uma cesta repleta de alimentos hortifrutigranjeiros. Além de combater a desnutrição, o programa auxilia na formação de uma alimentação equilibrada, saudável e com produtos de qualidade, uma vez que os alimentos são adquiridos do produtor rural local com base na orientação de uma nutricionista.

Para fortalecer e dar maior eficácia para a iniciativa, a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente em parceria com o curso de Nutrição da Unipar, realizaram na semana passada uma avaliação e orientação nutricional com os beneficiários do programa.

Ao todo, 240 pessoas foram avaliadas. O intuito da iniciativa, é dar subsídios técnicos para que a equipe conheça o perfil nutricional de cada participante e com base nele, trace um plano de ação com foco na realidade do grupo.

Além disso, a iniciativa reforça as orientações sobre como inserir de forma prática o conceito de alimentação saudável no cotidiano das famílias.

O resultado com o panorama completo das avaliações será divulgado na próxima semana e a partir dele, uma série de outras atividades serão executadas. “O que foi possível identificar inicialmente é que uma grande parcela das pessoas estão desinformadas e não se preocupam com a alimentação. Elas desacreditam que a má alimentação seja a vilã dos problemas de saúde e não dão a devida importância”, destaca a chefe da Divisão de Segurança Alimentar e Nutricional, Maressa Borges.

 

Categorias: Saúde da Mulher